• falecomamosaico

Linguagem corporal e linguagem oral para negócios

Você conhece as melhores estratégias para estabelecer uma comunicação eficaz no mundo dos negócios? Hoje daremos algumas dicas para que você aprimore sua linguagem corporal e sua forma de expressão oral de modo a atingir seus objetivos de interlocução com mais facilidade.

No mundo dos negócios, destacam-se aqueles que melhor conseguem expressar-se com seus iguais e com seus superiores, e os modos de expressão podem ser variados. Hoje, vamos falar brevemente de dois desses modos, que são fundamentais à comunicação eficiente e que, se bem utilizados, podem alavancar sua produtividade e melhorar suas relações com colegas e, principalmente, com clientes.


A expressão corporal e o que se pode ganhar com ela


Em primeiro lugar, vamos falar um pouco sobre linguagem corporal. E por quê? Porque, quase sempre, antes de falar com uma pessoa, nós a vemos, e o modo como essa pessoa nos vê pela primeira vez pode já determinar se os negócios serão bem-sucedidos, se conseguiremos aquela promoção ou se vamos conquistar aquele cliente.


A especialista em comunicação não verbal para negócios Carol Kinsey Goman, autora do livro A linguagem corporal dos líderes: como essa linguagem silenciosa pode ajudar, adverte que uma pessoa tem, em média, sete segundos para causar uma boa impressão na outra. Pode parecer um clichê, mas, sim, no mundo dos negócios a primeira impressão é a que fica.


E não para por aí: há também uma série de ações que, combinadas com bom senso, podem atuar como ferramentas importantes nessa primeira impressão (e também em outras oportunidades de diálogo posteriores):


  • Mantenha o contato visual: olhar diretamente para os olhos da pessoa com quem está conversando inspira confiança e interesse naquilo que ela quer dizer para você.

  • Aperte as mãos do seu interlocutor. Esse gesto universal pode ser traduzido como um gesto de cordialidade e de abertura, e é plenamente aceito nas mais diversas culturas. Porém, tenha cuidado: apertar com firmeza e balançar levemente o braço, sim; apertar com força e sacolejar o braço do seu interlocutor, não.

  • Tenha atenção à sua postura: endireitar os ombros e manter a cabeça erguida e o corpo ereto são sinais de que você está disposto a ouvir e a interagir de forma mais eficaz.

  • Sorrir é convidativo e rompe com a tensão de um primeiro diálogo com alguém. No entanto, você precisa entender que há vários “tipos” de sorriso, que vão desde o mais efusivo ao mais discreto. O seu bom senso te dirá qual o melhor sorriso a dirigir para alguém em cada ocasião.

  • Reaja às palavras do outro: balance a cabeça para mostrar que está atento àquilo que te falam; sorria quando alguém te contar algo divertido e manifeste tristeza quando alguém te disser algo que pareça ruim. Gestos como esses produzem um efeito de sintonia entre os dois interlocutores e caracterizam aquilo que a Programação Neurolinguística conhece como “Técnica do Espelho”, que consiste em copiar a linguagem corporal do interlocutor para reduzir a ansiedade ou desconfiança que possa existir no momento. Porém, um aviso: copiar a linguagem corporal do outro não significa imitá-la totalmente, como em um jogo de mímica – deve-se ter atenção e reproduzir apenas alguns detalhes que pareçam mais pertinentes às negociações.


A importância da boa expressão oral

Falar bem no mundo dos negócios é igualmente importante e nos leva a uma série de perguntas, as quais podem servir de reflexão na hora de conversar no trabalho:


Como falo?

Com quem falo?

Por que eu preciso falar sobre determinado assunto com alguém?

Sobre o que falo?

Qual é minha finalidade no momento em que falo?


Perguntas como essas são bem respondidas no livro de Ana Shirley França, Comunicação nas empresas: como falar bem e em público.


Nesse trabalho a autora, que é especialista em comunicação empresarial, defende que possuir competência comunicativa é não somente uma exigência de mercado, mas também uma necessidade profissional e pessoal. Além disso, oferece atividades para falar melhor e realizar apresentações em público, sustentadas por saberes teóricos e práticos, que vão desde os aspectos gramaticais da oralidade, passando pelo discurso e pela organização lógica do pensamento, pelas estratégias de negociação e soluções de conflitos, até propostas básicas para uma boa apresentação oral em público.


Enquanto você não lê o livro de Ana França, seguem algumas dicas que já podem te ajudar bastante:


  • Tenha clareza quanto àquilo que você vai falar. Ter um planejamento breve, por escrito, do que deve ser dito é um bom começo e ajuda na organização das ideias.

  • Tom de voz é fundamental, e bastante complicado. Saiba dosar os momentos em que se deve falar com tons mais baixos e suaves e com tons mais altos. O tom da voz determina o destaque que você deseja dar a algumas informações que podem ser bastante valiosas.

  • Evite pôr a mão na boca ao falar. Além de ser um gesto que expõe sua timidez diante de determinado público, colocar a mão à frente da boca pode interferir no modo como seus interlocutores recebem as informações que você pronuncia.

  • No caso de uma discussão mais abrupta com algum colega, mantenha a calma. Fale em tom mais baixo, mas de maneira firme. Logo, você terá o respeito do seu interlocutor e, em seguida, poderá expor suas opiniões ou argumentos.

  • Treine, sempre que possível, as modulações da sua voz. Ela deve parecer o mais natural possível, mas sem muita informalidade. Além disso, não deve soar artificial o suficiente para que as pessoas percebam que você andou ensaiando por aí.


Estas são apenas algumas das várias dicas sobre o uso da linguagem em ambientes corporativos existentes por aí. Pode ser que algumas delas você já pratique. Caso ainda não o faça, não se desespere: siga nossas dicas iniciais, leia bons livros sobre o assunto, pesquise sempre por informações atualizadas e conte com a Mosaico: em nossa linha empresarial, oferecemos cursos, palestras e workshops nessa área que podem te ajudar a dominar esse aspecto essencial de suas relações profissionais!


(65)99303-4892

mosaicoassessoria.com

  • Instagram ícone social
  • Facebook ícone social
  • YouTube ícone social